palestrantes Fórum IM no palco

Precifica no Fórum de Inteligência de Mercado

Por Precifica | 22 de junho de 2022

A Precifica marcou presença no Fórum de Inteligência de Mercado, organizado pela Live University, nos dias 13 e 14 de junho.

O evento

O Fórum, patrocinado pela Precifica, é hoje o maior evento de Inteligência de Mercado da América Latina.

Foram 2 dias com a participação de grandes empresas e palestrantes. No evento foram abordados temas como:

  • inteligência competitiva
  • inteligência artificial
  • receita e competitividade
  • data analytics, entre muitos outros.

A Precifica no Fórum de Inteligência de Mercado

Patrocínio

Ao participarmos como patrocinadores deste evento reafirmamos a nossa liderança em prover soluções de pricing para um mercado que se torna cada vez mais profissionalizado e que não pode evoluir sem dados e tecnologia no seu core.

Stand

Durante os dois dias de evento, tivemos um stand no qual parte da nossa equipe comercial, Customer Success e Marketing receberam clientes e participantes do fórum e, no qual, demonstramos as nossas soluções de pricing.

Sorteios

Diariamente, a Precifica sorteou Kit casa inteligente entre os participantes que visitaram o stand.

Debate

O ponto alto da nossa participação foi quando o nosso o CEO, Ricardo Ramos, marcou presença no debate “2022-2025 – Coleta e decisões Big Data e IA VS coleta e decisões humanas – quem salvará a lavoura?” no Fórum de Inteligência de Mercado da Live University.

Mediado por Alex Leite e Fabio Pinheiro ele fazia parte da equipe que “defendia” o uso de Big data e IA, junto com Patricia Romancini. Primeiramente, o nosso CEO Ricardo Ramos comentou como a IA tem acesso a um número de dados muito volumoso, e acha padrões que o ser humano não consegue.

Do mesmo modo, a Inteligência artificial, para ele, permite enxergar além do que o olhar humano permite e abre a possibilidade de empoderar diversas profissões.

O contraponto

Ao mesmo tempo, havia a equipe que “defendia” o lado humano era composta por glaucia megna e Vitor Zenaide. Então, no final do debate os participantes chegaram a conclusões como:

– os dois temas são mais complementares do que excludentes
– o setor em que a empresa atua é um fator que influencia o seu porcentual de utilização de IA e Big data
– profissionais como os de marketing, entre outros, precisam incluir em seus diálogos os temas de big data e inteligência artificial para estarem up to date
– no que diz respeito a LGPD e ética, foi considerado que estes não são pontos limitadores, mas sim direcionadores para um caminho correto. De acordo com os participantes, é muito relevante ter claros o direito de uso das informações e os objetivos da coleta dos dados.

 

 

Quer ficar por dentro das novidades?
Assine nossa newsletter!

Consentir*